BRIGA: Lava Jato gera novo mal estar entre Janot e Gilmar

0

O ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes rebateu nesta terça-feira 6 a declaração do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, de que o ritmo no STF para julgar os processos da Lava Jato é “mais lento”.

Para Gilmar Mendes, a responsabilidade pela demora no andamento das investigações da Lava Jato no STF é da Procuradoria Geral da República. “Eu acho que há morosidade nas investigações da PGR”, contestou.

A investigação em Curitiba, disse o ministro, é “muito mais célere”. “Isso é evidente. Quantos inquéritos que estão abertos que não tiveram ainda denúncias oferecidas? Talvez centenas de inquéritos abertos, que estão no Supremo, mas quantas denúncias oferecidas? Portanto a lentidão é da PGR”, reforçou ministro

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.