CRISE CHEGOU! PSDB está sem dinheiro para eleição presidencial de 2018

0

A calmaria no PSDB tende a zero. Tasso Jereissati se deu conta de que o partido não tem reserva de caixa para bancar as suas campanhas no ano que vem.

Se a reforma política não sair com uma alternativa de financiamento para as siglas, ele já sabe onde precisará enxugar.

Tasso fará o que já indicou: passará a ripa numa penca de cargos, sobretudo no Instituto Teotônio Vilela. Ali mora o problema.

Na lista de cortes, é certo, haverá apadrinhados de Aécio Neves; José Aníbal, presidente do instituto; e de outros quadros importantes da legenda.

Coluna Radar

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.