DE NOVO? MPF denuncia Cabral e Adriana Ancelmo por lavagem de mais de 4 milhões de reais; SAIBA!

Nova denúncia da força-tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro acusa Sérgio Cabral e Adriana Ancelmo, além dos assessores Luiz Carlos Bezerra e Carlos Miranda, por lavagem de dinheiro cometidos com a compra de joias em espécie, sem nota fiscal ou certificado nominal, revelados após a celebração de acordo de colaboração premiada

Trata-se da 11ª denúncia contra o ex-governador do Rio de Janeiro, sendo que ele é réu em outros nove processos e foi condenado em um pelo Juiz érgio Moro.

Uol

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA