DESGOVERNO TEMER! Presidente é acusado de dar calote no exército que paralisa atividades no Rio

0

As ações de segurança do Exército no Rio de Janeiro foram paralisadas em razão de um calote do governo federal, que não quitou os gastos com as operações;

“Conduzo seguidas reuniões sobre a gestão dos cortes orçamentários impostos ao @exercitooficial. Fazemos nosso dever de casa, mas há limites”, postou no seu twitter o general Villas Boas, comandante das Forças Armadas; o emprego das Forças Armadas em novas operações no Rio foi decidido em julho passado, devido ao recrudescimento da violência no estado, com aumento dos casos de roubos de carga e conflitos em comunidades entre facções rivais e a polícia, em meio a grave crise financeira do Rio.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.