Erundina quer acabar com benefícios de Cunha e entra na justiça

0

A deputada federal Luiza Erundina (PSOL-SP) entrou com ação na 2ª Vara Federal de Brasília para tentar colocar um fim nos benefícios que presidente afastado da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) tem recebido. Segundo levantamento feito pelo próprio PSOL, os benefícios concedidos pela Mesa Diretora da Casa à Cunha somam R$ 541 mil mensais.

Na ação, protocolada na última quinta-feira, Erundina pede a revogação do Ato nº 88 da Mesa Diretora, que manteve os benefícios ao parlamentar, como seguranças, transporte e deslocamento, uso da residência oficial, entre outros pontos.

“Tal ato configura-se ilegal, imoral e lesivo ao patrimônio público”, diz a ação. “Os benefícios e prerrogativas parlamentares não são dávidas pessoais, mas elementos para o desempenho da função pública” completa em seguida.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.