Lula lamenta que juiz Moro queira incriminá-lo por acervo presidencial, “Ele quer mudar a história”; ENTENDA!

7

Os advogados do ex-presidente Lula divulgaram uma nota nesta quarta-feira 7 em que criticam duramente uma petição protocolada nesta terça-feira 6, “na qual o Ministério Público Federal, reportando-se ao acervo presidencial, requereu ao juiz Sergio Moro que ‘seja intimada a Secretaria de Administração da Presidência da República para que avalie o material apreendido e especifique se algum desses bens constantes não pertencem ao acervo pessoal do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (…)'”.

“Todos os ex-Presidentes da República seguiram a lei de 1991 [que trata dos acervos presidenciais], como Lula. Mas somente ele é alvo de questionamentos pela Lava Jato”, denuncia nota da defesa, que lembra que o acervo de Lula é “composto de documentos, cartas e outros objetos que Lula recebeu do povo brasileiro e de estrangeiros durante os seus dois mandatos presidenciais”.

Na nota, a defesa do petista diz que a Lava Jato “mais uma vez dá prova da obsessão por Lula”, agora agindo “para reescrever a história do Brasil e o capítulo referente ao ex-Presidente”. Leia a íntegra:

Nota

A Lava Jato mais uma vez dá prova da obsessão por Lula. Agora, age para reescrever a história do Brasil e o capítulo referente ao ex-Presidente. Não pode ser outro o entendimento da petição protocolada em 6/9/2016, na qual o Ministério Público Federal, reportando-se ao acervo presidencial, requereu ao juiz Sergio Moro “seja intimada a Secretaria de Administração da Presidência da República para que avalie o material apreendido e especifique se algum desses bens constantes não pertencem ao acervo pessoal do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (…)”.

A nota técnica emitida em 22/07/2015 pela Diretoria de Documentação Histórica da Presidência da República, tornada pública, esclarece que Lula recebeu o mesmo tratamento dispensado aos demais ex-Presidentes da República desde 2001 (“A prática acima descrita foi igualmente executada para todos os ex-Presidentes que tiveram seus mandatos após a promulgação da Lei nº 8.394, em 1991, não havendo nenhuma peculiaridade em relação ao ex-Presidente Luis (sic) Inácio Lula da Silva”). Todos os ex-Presidentes da República seguiram a lei de 1991, como Lula. Mas somente ele é alvo de questionamentos pela Lava Jato.

O acervo presidencial, disciplinado pela Lei nº 8.394/91, é composto de documentos, cartas, e outros objetos que Lula recebeu do povo brasileiro e de estrangeiros durante os seus dois mandatos presidenciais. Ao final do último mandato, Lula recebeu da Presidência da República, em Brasília, esse acervo catalogado e devidamente verificado e não há qualquer ligação entre este material e a Justiça Federal de Curitiba e, muito menos, com a Operação Lava Jato. O tema já é discutido em outro procedimento, que tramita no Ministério Público Federal em Brasília e envolve todos os ex-Presidentes desde 1991. A tentativa dos operadores da Lava Jato de se imiscuir neste assunto é a prova inequívoca de que agem desconectados com os princípios constitucionais da impessoalidade e da legalidade (CF, art. 37, caput). Agem para perseguir Lula e sua história.

Na condição de advogados do ex-Presidente repudiamos mais essa tentativa da Operação Lava de prejudicar a reputação de Lula e de pretender manchar sua participação na vida política do País. Tornamos público igualmente que, até a presente data, não identificamos qualquer providência em relação às representações feitas ao Procurador Geral da República para que fosse apurada a prática, em tese, de abuso de autoridade e do art. 10 da Lei das Interceptações Telefônicas no âmbito da Operação Lava Jato. Levaremos ao chefe máximo do Ministério Público nova representação para que sejam apurados os fatos relativos ao caso atual sobre o acervo presidencial de Lula.

Cristiano Zanin Martins e Roberto Teixeira

você pode gostar também Mais do autor

7 Comentários

  1. anchor Diz

    I just want to tell you that I’m new to blogging and site-building and honestly enjoyed you’re web blog. Very likely I’m likely to bookmark your site . You really come with fabulous posts. With thanks for revealing your web-site.

  2. Graça Maria de Lima Redig Diz

    Ainda tem gente que frente esse corrupto!

  3. Lucia Cristina de Paula da Silva Diz

    Todos os presidentes eles saem ! Deixam tudo sabe porque? Porque tudo o que eles ganham não é deles ! E da nação! Mas é pra quem tem educação! É isso é pra quem tem! Não é todos .

  4. Ednilson rodrigues da costa Diz

    Eles roubaram faz parte da rotina dos mesmo, fico impressionado e ver dezenas de ZE RUELAS DANDO APOIO ESSES PICARETAS. Sao mais safados inda.

  5. joana darc rodrigues da silva Diz

    Quero saber dos presente que o FHC,Collor.Sarney e demais anteriores ao Lula receberam se estão todos no arquivo da Presidência.Em algum momento foram verificados? Chega dessa “justiça seletiva” Vai ter que investigar todos.

    1. Augusto Cardoso Diz

      Não fuja do assunto, se quer verificar Collor, Itamar e FHC (Figueiredo, Juscelino), abra seu processo..Fato é que há um limite de valor por presente recebido, acima do qual o presente passa a ser do país e não dá pessoa.
      Isso é normal nas empresas privadas também, exatamente para evitar favores.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.