MEDIDA IRRESPONSÁVEL? Juíza determinou invasão ao apartamento do filho de Lula só porque polícia pediu

0

O secretário de Segurança de São Paulo afastou o delegado responsável pela invasão da casa do filho de Lula, Marcos. Carlos Renato de Melo Ribeiro vai ter de explicar, si a Secretaria de Segurança, a razão que o fez pedir, sem maiores explicações, a entrada no imóvel por uma alegada “denúncia anônima”.

É evidente que o delegado não ia tomar uma medida destas na base de um simples telefonema anônimo e muito menos sem uma investigação preliminar.

A juíza Marta Brandão Pistelli saiu pela tangente, dizendo que os policiais chegaram observaram que havia uma “grande movimentação de pessoas”. E que, por isso, concluíram que o endereço que estava sendo utilizado “para armazenamento de grande quantidade de drogas e armas”.

Conversa, francamente, inacreditável.

A Justiça determinou a devolução dos bens apreendidos pela polícia por que, claro, não havianada relacionado a supostos crimes na residência.

E vai ficar por isso mesmo, porque abuso de autoridade no Brasil, embora aconteça a toda hora, “não vem ao caso”.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.