NÚCLEO POLÍTICO: PT irá escalar as senadoras ligadas à Dilma para denunciar golpe misógino;

0

O núcleo político do PT pretende caracterizar o golpe parlamentar contra Dilma Rousseff como uma iniciativa machista e misógina durante a leitura da defesa da presidente afastada no Plenário do Senado. Para tanto, serão escaladas quatro senadoras para a leitura da peça, Fátima Bezerra e Gleisi Hoffmann, do PT, Vanessa Grazziotin, do PCdoB, e Kátia Abreu, do PMDB.

A informação é da Coluna Painel, da Folha, que cita o senador Lindbergh Farias (PT-RJ): “Até porque tem muita misoginia e machismo neste golpe”, diz ele.

As alegações finais da defesa de Dilma foram entregues pelo advogado José Eduardo Cardozona quinta-feira (28) ao presidente à Comissão Especial do Impeachment. A entrega foi feita poucos minutos antes do encerramento do prazo. Cardozo é ex-ministro da Justiça e ex-advogado-geral da União. De acordo com ele, o documento de cerca de 500 páginas prova que a presidente não cometeu qualquer tipo de crime que justifique seu afastamento definitivo.

— É uma peça que sintetiza todas as provas que foram reunidas: testemunhas, perícia, prova documental. Tudo foi sintetizado e é feita uma análise das duas denúncias. Vários fatos surgiram ao longo do tempo, um deles foi a proposta de arquivamento que o Ministério Público Federal fez relativamente ao inquérito que tratava das pedaladas, onde o procurador afirmou que não é operação de crédito, o que defendemos desde o início — disse Cardozo ao chegar ao Senado.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.