Operador de Cunha será transferido para a Papuda

0

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Ricardo Lewandowski, determinou nesta quarta-feira (27) a transferência do corretor de valores Lúcio Bolonha Funaro, preso no último dia 1º, para o Complexo Penitenciário da Papuda, no Distrito Federal.

Desde sua prisão, Funaro estava sendo mantido em uma carceragem da Polícia Federal. Sua defesa reclamava que isso restringia as visitas dos advogados e também de familiares e, por isso, pediu ao Supremo a transferência.

Em sua decisão, Lewandowski escreveu que o cenário da carceragem onde Funaro estava era “francamente atentatório aos mais elementares direitos que a Constituição Federal assegura aos presos, nomeadamente, o respeito à sua integridade física e moral”.

Para Lewandowski, o quadro justifica a sua decisão durante o recesso do Supremo para que “seja resguardada a higidez corporal e psíquica” do preso.

Ainda não há um prazo para a Polícia Federal operacionalizar a transferência, mas deve ocorrer ainda nesta semana.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.