SENADORA REAFIRMA: Kátia Abreu diz que o golpe no Brasil já custou cerca de R$ 50 bilhões;

0

A senadora do Kátia Abreu (PMDB-TO), uma das únicas integrantes do PMDB que ficaram ao lado da presidente afastada Dilma Rousseff (PT) durante o processo de impeachment, reafirmou neste domingo (17), em conversa com jornalistas, que a votação que afastou a presidente custou R$ 50 bilhões da população brasileira.

Essa valor, segundo a senadora, foi embutido no aumento do déficit público promovido pelo governo de Michel Temer. Ainda no governo Dilma, o déficit das contas públicas era de R$ 96 bilhões. Após Temer assumir, a equipe econômica aumentou o rombo das contas do governo para R$ 170 bilhões. Desses, R$ 50 bilhões teriam sido para comprar os votos para o afastamento da presidente. “Hoje estamos vendo uma fraude de R$ 170 bilhões…que R$ 50 bilhões foi para garantir o impeachment”.




Ela também afirmou que a presidente Dilma não aprovou as medidas governamentais por causa de Eduardo Cunha, chamado por ela de ‘escroque internacional’. “Estamos vivendo aqui uma farsa, o inadmissível… e não estou vendo ninguém dizer que a corrupção do governo Dilma, foi ela sozinha? Ou foram todos os partidos que mamaram, sugaram esse governo durante cinco anos e agora estão do outro lado da mesa… A presidente Dilma não é corrupta, é uma pessoa correta”, afirmou.




Insuspeita e da bancada do agronegócio, Kátia Abreu sempre foi criticada pelos petistas por estar no governo Dilma Rousseff. No entanto, no processo do impeachment tem mostrado que a senadora tem caráter e não virou a casaca, como os políticos que mesmo estando no governo Dilma, apoiaram a trama do golpe.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.