ESTRELA DO ESPORTE: Alejandra Benitez, da Venezuela, diz que Temer é golpista e não irá saudá- lo na Olimpíada;

1

A esgrimista e ex-ministra do Esporte da Venezuela, Alejandra Benitez, uma das maiores atletas de sue país na atualidade, disse que não irá saudar o vice-presidente em exercício Michel Temer durante a abertura dos Jogos Olímpicos Rio 2016.

Alejandra, que também é deputada pelo Partido Socialista Unido da Venezuela, disse que irá disputar a sua quarta Olimpíada para defender o seu posicionamento “político”, como “mulher” e “esquerdista.

“É triste que não tenha havido um apoio mais contundente à companheira Dilma [presidente eleita e atualmente afastada Dilma Rousseff]. E, neste momento dos Jogos, não se pode fazer nada porque ela não vai estar lá na cerimônia de abertura”, disse Alejandra que adiantou que não irá saudar Temer durante o desfile das delegações.

“Lamento porque pensava que ia passar pelo estádio e iria saudar a Dilma, como presidente da república. Mas agora há um golpista. Eu não vou saudá-lo, por exemplo, porque é um golpista. Não sei se todos os venezuelanos vão, mas eu não vou. Passarei diretamente porque ele é um golpista, e os golpistas são antidemocráticos. Eu sou pela democracia e pela justiça. Queria ver a Dilma, e não vou a saudá-lo”, assegurou.

“É terrível o que vemos. Um golpe de estado que estão legalizando. Eu, como mulher, acredito que também foi um ato machista, algo patriarcal, contra a mulher. Na política, o homem acredita que deve se impor ante a mulher, e que ela não tem méritos por estar lá”, disparou.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.