URGENTE: STF determina revogação imediata de prisão de Paulo Bernardo; VEJA!

0

O ministro Dias Toffoli, do Supremo Tribunal Federal, revogou a prisão do ex-ministro Paulo Bernardo Silva, nesta quarta-feira (29), determinando que a Justiça utilize de medidas cautelares. Ele foi preso na última quinta-feira (23) pela Operação Custo Brasil, da Polícia Federal (PF), um desdobramento da Lava Jato.

De acordo com o portal G1, no despacho no qual determinou a soltura de Paulo Bernardo, Toffoli afirmou que houve um “flagrantes constrangimento ilegal” na prisão do ex-ministro.

Segundo o Ministério Público Federal (MPF), o ex-ministro foi um dos principais beneficiados do esquema de propina que teria desviado R$ 100 milhões dos funcionários públicos federais que fizeram empréstimos consignados.




Créditos: NOTÍCIAS AO MINUTO

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.