Gebrael, que pedia a prisão de Lula nas redes, é preso por corrupção e organização criminosa

0

Revista Fórum – Uma das quatro pessoas que foram presas no Aeroporto Internacional do Galeão, no Rio de Janeiro, em uma operação da Polícia Federal (PF), com o apoio da Receita Federal, na manhã da última quinta-feira (8) no Rio é William Gebrael. Tido como o chefe do bando de contrabandistas, Gebrael bradava diariamente contra a corrupção e pedia a prisão de Lula nas redes sociais.

Em uma de suas postagens Gebrael escreveu sobre uma foto do ex-presidente:

“Não prendê-lo é ensinar aos nossos filhos que o crime compensa”.

No dia 24 de janeiro, dia da condenação de Lula em segunda instância pela 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), ele escreveu:

“É raro o momento de orgulho de ser brasileiro, mas hoje, eu sinto isso” (Sic)

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.