Grupos pró e contra Moro realizaram atos em frente ao TCE-PB, em JP

0

Enquanto o juiz federal Sergio Moro proferia palestra na manhã deste sábado (28), no Centro Cultural Ariano Suassuna, na sede do Tribunal de Contas da Paraíba, em João Pessoa, grupos a favor e contra o magistrado ocuparam a frente do prédio para se manifestar em relação ao andamento da Operação Lava Jato no país.

Em um número maior, os manifestantes contrários a Sergio Moro gritavam palavra de ordem, tachando o juiz de golpista.

A estudante Maria Medeiros, integrante do Levante Popular da Juventude, criticou a forma seletiva como o Operação Lava Jato vem agindo para “barrar um governo popular”. Segundo ela, o magistrado foi invasivo no caso em que divulgou áudios do ex-presidente Lula e da presidente afastada Dilma Rousseff, ambos do PT, e “passou a mão na cabeça” do outro lado. “Esse protesto é para mostrar a nossa indignação como o golpe está sendo capitaneado no nosso país”, afirmou.

Por outro lado, simpatizantes do juiz Sergio Moro também estiveram na frente do TCE para apoiarem o magistrado por sua atuação na Operação Lava Jato.

O estudante de Direito, Daniel Pires, explicou que o grupo foi manifestar apoio ao magistrado, que através da Lava Jato, tem feito um bem enorme a todo o país. Segundo ele, os manifestantes contrários não se conformam com o fim dos privilégios do governo Dilma e querem a todo custo derrubar o presidente interino Michel Temer.

Daniel destacou o papel importante das investigações e disse que graças ao trabalho de Moro muito dinheiro tem sido recuperado para os cofres da nação.”Esperamos que a Lava Jato avance cada vez mais, colocando todos os culpados na cadeia”, defendeu.

A polícia foi acionada, mas não houve confronto entre os manifestantes e nem atos de vandalismo.

MaisPB

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.