Para comprar apartamento, jogador do Corinthians negociou com doleiros

O jogador Emerson Sheik durante sua apresentação de volta ao Corinthians. “Quero jogar” afirma o atacante completando que está disposto a se adaptar novamente ao clube (@Corinthians/Twitter)

Sobrou até para Emerson Sheik. O jogador do Corinthians foi citado na peça do MPF que sustentou a “Operação Câmbio, Desligo” realizada pela Polícia Federal nesta manhã.

Relacionadas

Em depoimento, o doleiro Cláudio Barboza, conhecido como ‘Tony’, revelou que outro operador, Sérgio Mizrahy, fez negócios com o ídolo corinthiano.

Sheik teria vendido cerca de 500 mil dólares para comprar um apartamento no Brasil após sua volta do futebol do Oriente Médio.

CLICK POLÍTICA com informações de Coluna Radar

você pode gostar também Mais do autor