REPERCUSSÃO NEGATIVA: MORO DIZ QUE FOTO COM DORIA, CANDIDATO TUCANO, “É UMA BOBAGEM”

Embora o tucano João Doria tenha sido citado nos Panama Papers, por movimentar recursos no paraíso fiscal panamenho, e seja inimigo declarado do ex-presidente Lula, que juristas do Brasil e do mundo, além de seis líderes europeus, veem como preso político, Sergio Moro disse que a foto da noite de ontem é “uma bobagem”.

“Estou num evento social e tiro uma foto, isso não significa nada. É uma bobagem isso”, disse Moro, pouco antes de seu discurso a um grupo de empresários num hotel em frente ao Central Park. “Não me arrependo nem um minuto de aceitar esses convites”, afirmou, lembrando que não tem uma “relação pessoal” com Doria, de acordo com relato da Folha.

A foto foi tirada num evento em que Moro foi premiado como “Pessoa do Ano” pela Câmara do Comércio Brasil-EUA. Ele foi alvo de protesto de brasileiros em frente ao prédio onde aconteceu o evento. Nesta terça, ele palestra num evento patrocinado, que foi organizado pelo LIDE, grupo de João Doria.

Relacionadas

Esta é a segunda imagem polêmica em que Moro aparece ao lado de tucanos. A primeira foi ao lado de Aécio Neves, em dezembro de 2016. Nas duas, um clima de intimidade e alegria. Na ocasião, Moro também minimizou o caso.

Pesquisa CNT/MDA divulgada no início da semana revelou que, para 90% dos brasileiros, a Justiça age de forma parcial no Brasil. Entre os entrevistados, 52,8,% consideram o Poder Judiciário pouco confiável e a avaliação sobre a atuação da Justiça no Brasil é ruim ou péssima para 55,7%.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

você pode gostar também Mais do autor