113 MILHÕES NA CONTA! Juíza nega novo pedido de prisão contra Paulo Preto do PSDB; SAIBA!

A juíza Maria Izabel do Prado negou o pedido do MP para prender preventivamente Paulo Vieira de Souza, o Paulo Preto, ex-diretor da Dersa apontado como operador de propinas do PSDB.

Paulo Preto já havia sido preso preventivamente em abril, por decisão da própria juíza, e foi solto seis dias atrás por uma liminar de Gilmar Mendes.

Relacionadas

Na decisão de hoje, Maria Izabel escreveu que não decretaria a prisão porque o réu não foi notificado pessoalmente. Além disso, Paulo Preto tem audiências marcadas para amanhã e 25 de maio –a juíza ordenou que ele seja intimado pessoalmente a comparecer.

CLICK POLÍTICA com informações de Antagonista

você pode gostar também Mais do autor