VIROU BAGUNÇA! Relator da Lava Jato ‘persegue’ Lula, segue Moro e não deixa ex-presidente ter acesso a documentos

0

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) acaba de negar o pedido de liminar feito pela defesa de Lula para ter acesso à integralidade dos sistemas “My Web Day” e “Drousys”. Os dois softwares eram usados pela Odebrecht para gerenciar esquemas de propina.




Relator do caso, o desembargador federal João Pedro Gebran Neto afirmou que a operação seria inviável.

“Além da dificuldade técnica, pois são vários HDs, os sistemas contêm informações que são relevantes para várias outras ações penais e investigações em andamento e ainda a serem instauradas, inclusive parte delas sujeita à outras jurisdições”, escreveu na decisão.

CLICK POLÍTICA com Coluna radar

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.