PT vai representar Segovia por blindar Temer

0

Rio Grande do Sul 247 – O líder do PT na Câmara dos Deputados, Paulo Pimenta (RS), afirmou que o partido entrará com uma representação na Justiça contra o diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segóvia. À Reuters, o dirigente afirmou que a tendência na PF é recomendar o arquivamento da investigação em que Temer é suspeito de beneficiar a empresa Rodrimar em um decreto que renovou concessões no Porto de Santos, em São Paulo.

“Somos coerentes. Assim denunciamos Moro, Dallagnol, Carlos Fernandos, protestamos cada vez que o que juiz adianta pela imprensa veredito de processos. Vamos também denunciar o Segóvia”, disse o parlamentar.

Segundo Pimenta, o diretor geral da PF “é filho da Operação Lava Jato, da postura de Moro, do silêncio do STF, e da postura permanente dos procuradores da Lava Jato que inauguraram no Brasil esta conduta de desprezo pela Constituição”. “Vamos fazer uma representação e vamos ver com nossa assessoria jurídica”.

A PF investiga se a medida que ampliou para 35 anos as concessões do setor favoreceu a Rodrimar. São investigados Michel Temer, o ex-assessor da Presidência Rodrigo Rocha Loures, o presidente da Rodrimar, Antônio Grecco, e o diretor da empresa Ricardo Mesquita.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.