Economista de Bolsonaro defende privatização completa no governo

0

A Folha entrevistou o economista Paulo Guedes, ministro da Fazenda do eventual governo de Jair Bolsonaro que, quando coordenou a programa de Afif Domingos nas eleições de 1989, propunha privatizar tudo.

“O país continua sendo um paraíso dos rentistas e inferno dos empreendedores. Os impostos subindo, os gastos públicos saindo de 18% do PIB quando os militares entraram para 45%, quando Lula e Dilma saíram, sendo 38% de impostos e 7% de deficit. É um governo totalmente disfuncional. O governo é muito grande, bebe muito combustível. Mas se você olhar para educação, saúde, ele é pequeno. Já que a democracia vai exigir a descentralização de recursos para Estados e municípios, o governo federal tem que economizar. Onde? Na dívida. Se privatizar tudo, você zera a dívida, tem muito recurso para saúde e educação. Ah, mas eu não quero privatizar tudo. Privatiza metade, então. Já baixa metade da dívida.”

Questionado se tem clima para privatizar, Paulo Guedes inverteu a questão.

antagonista

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.