MORO É ESCRACHADO NO MÉXICO E CHAMADO DE ‘IMORAL E PARCIAL’

0

O juiz federal Sérgio Moro foi alvo de protestos nessa terça-feira, 27, na Cidade do México, durante palestra no Colégio Nacional. Sua intervenção foi interrompida pelos manifestantes, que o acusaram de ser “golpista” e de promover perseguição política contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

“Moro imoral, juiz parcial”, gritaram os manifestantes, que levaram cartazes contra o magistrado da operação Lava Jato. O ministro da Suprema Corte, José Ramón Cossío, teve que intervir, para que o juiz Moro pudesse continuar com a palestra.

Moro se ofereceu para compartilhar com as autoridades do país, as evidências sobre o envolvimento de funcionários mexicanos em casos de suborno para empreiteiros brasileiros envolvidos no escândalo da Petrobras.

Ele disse que tem muita evidência e é seu interesse em colaborar para que a evidência “seja usada” contra autoridades alegadamente subornadas em troca de contratos para as empresas de construção brasileiras.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.