Barroso: “Planilha com sigla MT permite supor que Temer recebeu recursos”

0

No despacho em que pediu a prisão temporária de amigos de Michel Temer, o ministro Luis Roberto Barroso destacou uma planilha contábil no inquérito 3105/STF com a sigla MT.

De acordo com o texto do ministro, a sigla “MT” permite supor que recursos das empresas Libra, Rodrimar e Multicargo eram entregues ao “Excelentíssimo Senhor Presidente da República, Michel Temer”.

Barroso diz também que esses recursos foram distribuídos a Marcelo Azeredo, presidente da Codesp entre 1995 e 1998 e ao amigo pessoal de Temer, coronel Lima. Leia o item 21 do despacho.

CLICK POLÍTICA com informações de Coluna Radar da Veja

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.