Com todos os amigos presos, Temer quer defender sua honra na TV

0

Acuado com a prisão de aliados e amigos próximos após a deflagração da Operação Skala, Michel Temer avalia fazer um pronunciamento em rede nacional para se defender das suspeitas de ter recebido propina por meio de da edição de um decreto que teria beneficiado empresas do setor portuário.

De acordo com o jornal Folha de São Paulo, a estratégia em análise segue a mesma linha da nota divulgada pelo Planalto, que é de desqualificar a investigação e focar na defesa da honra do emedebista.

Assessores, porém, avaliam que Temer deve evitar diretamente os amigos e aliados presos pela Polícia Federal na operação desta quinta-feira (29).

Dentre os presos estão amigos íntimos de Temer, como o advogado José Yunes e o coronel João Baptista Lima Filho, suspeitos de serem operadores do esquema.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.