Reinaldo Azevedo: Barroso avilta a democracia; CONFIRA!

0

O colunista da Folha de S. Paulo Reinaldo Azevedo afirma em texto publicado hoje que o ministro do Supremo Tribunal Federal Roberto Barroso é “um homem de método” e que esse “método” é aviltar a democracia. Para Azevedo, Barroso chegou ao STF “pelas mãos sujas de sangue de Cezare Battisti e como porta-voz das ditas minorias”. O colunista acredita que Barroso foi o pai da reforma política idealizada pelo PT que, uma vez naufragada, o fez pegar o bote salva-vidas do heroísmo na prisão de Lula.

“Para o STF formado pelo PT, a principal prova é a ausência de provas. É uma tradição da esquerda com que o petismo pretendia agraciar adversários e de que o próprio Lula se tornou vítima. Alguém leve Augusto dos Anjos para o ex-presidente na cadeia.

(…)

Continua depois da Publicidade

Contar-se-iam ainda, entre os precursores do ministro, Sobral Pinto, Afonso Arinos e Raymundo Faoro. Diz Lynch: “E o Faoro (…) é um grande liberal de esquerda, um liberal progressista, que está naquela época dizendo que o Brasil está prisioneiro daquela maldição do patrimonialismo e do estamento burocrático herdado da colonização portuguesa (…)”.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.