HUMILHAÇÃO: Por conta de ter tido câncer, Lula pede frigobar para beber água regularmente, mas juíza nega; SAIBA!

0

DO UOL:

A juíza federal Carolina Lebbos, responsável pela custódia do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), decidiu negar nesta segunda-feira (7) a instalação de um frigobar na sala onde o petista cumpre pena, na sede da Polícia Federal em Curitiba, mas liberou a instalação de uma esteira ergométrica e a entrada de um aparelho para ouvir música. A juíza também autorizou que o ex-presidente receba acompanhamento periódico por dois médicos cadastrados,

“A instalação do frigobar, embora materialmente viável, não encontra fundamento no quadro verificado nos autos. Não há qualquer justificativa acerca da necessidade do equipamento”, diz a magistrada. A juíza registra informação prestada pela PF de que “o acesso a água é permanente, sendo fornecidas garrafas de água mineral em quantidade suficiente e sempre que necessário estão sendo repostas”.

Carolina também diz que Lula cumpre pena em regime fechado, e que por isso não há cabimento para “a instalação de equipamentos para conforto meramente supérfluo, em desproporcionalidade injustificada em relação aos demais presos.”

O MPF (Ministério Público Federal) já havia se manifestado contra o pedido da defesa, tratado como regalia. “Inexiste paralelo de concessão de tal regalia no sistema prisional”, disseram os procuradores.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.