Capez vira réu pela máfia da merenda; CONFIRA!

0

Do G1:

O Tribunal de Justiça de São Paulo aceitou nesta quarta-feira (9) denúncia do Ministério Público contra o ex-presidente da Assembleia Legislativa (Alesp) Fernando Capez (PSDB) por corrupção passiva e lavagem de dinheiro na chamada “máfia da merenda”. Com isso, Capez vira réu no caso.

O esquema consistia na venda de produtos superfaturados de coorperativas agrícolas para fornecimento de merenda em escolas estaduais de São Paulo. A denúncia contra Capez não tem relação direta com a operação deflagrada nesta quarta pela Polícia Federal em 3 estados e no Distrito Federal contra de desvios de recurso da União na merenda de vários municípios.

O ex-presidente da Alesp foi após a operação Alba Branca, deflagrada em janeiro de 2016 contra desvios no fornecimento da merenda. A denúncia também incluía outras oito pessoas. Segundo o MP, o dinheiro desviado do estado foi de R$ 1,11 milhão, equivalente a 10% dos contratos, e pagou despesas da campanha do tucano em 2014.

A denúncia foi analisada na tarde desta quarta-feira pelo órgão Especial do TJ, e aceita pelos votos de 12 desembargadores contra 9.

O advogado de defesa de Capez, Alberto Toron, afirmou por telefone que a decisão do TJ foi tomada por “escassa maioria”. Apesar disso, ele informou que o parlamentar recebe com “respeito a decisão e reafirma a sua inocência”. A defesa de Capez vai esperar a publicação do acordão para entender se é o caso de recurso. (…)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.