E AÍ BRAGA NETTO? Testemunha afirma que policial e ex-PM participaram da execução de Marielle

0

Da Folha:

Uma testemunha-chave do assassinato da vereadora Marielle Franco (PSOL) e do motorista Anderson Gomes afirmou em depoimento à Polícia Civil que no carro dos assassinos havia um policial militar do 16º batalhão (Olaria), um ex-PM da Maré e outros dois homens. As informações foram publicadas nesta quinta-feira (10) pelo jornal O Globo.

A testemunha é a mesma que afirmou que o vereador Marcello Siciliano (PHS) e o ex-PM Orlando Oliveira de Araújo, conhecido com Orlando Curicica, foram os mandantes do crime.

Siciliano nega todas as acusações. Orlando Curicica, apontado com um miliciano que atua na zona oeste, está preso desde o ano passado.

O jornal não revelou a identidade da testemunha, disse apenas que ela trabalhava para a milícia de Orlando Curicica e que resolveu delatar em troca de proteção.

Procurada, a assessoria de imprensa da Polícia Civil do Rio reiterou que o caso continua em sigilo. A Polícia Civil não comentou se o vereador e o ex-PM são considerados suspeitos pelo crime. A Secretaria de Segurança do Rio também não confirmou a denúncia da testemunha.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.