URGENTE: Advogado que anulou processo contra Lula no Supremo Tribunal Militar reforça equipe com muito otimismo

0





O advogado Luiz Eduardo Greenhalgh, membro da direção nacional do PT, vai integrar a equipe de defesa de Lula, preso político em Curitiba. Greenhalgh foi advogado do então sindicalista no início dos anos 80, quando ele e demais líderes metalúrgicos do ABC foram presos e enquadrados na famigerada Lei de Segurança Nacional.




Greenhalgh atendeu o pedido do ex-presidente Lula e a orientação para dar uma dimensão política ao processo que envolve o ex-presidente, preso desde 7 de abril em Curitiba, na Superintendência da Polícia Federal. “O que eu quero é que você dê uma visão política ao meu processo. O meu assunto é político, não é jurídico”, disse Lula a Greenhalgh, segundo informou o advogado.




“Foi a primeira vez que o Supremo Tribunal Militar teve de reconhecer uma coisa chamada pré-julgamento. E a Lei de Segurança Nacional nunca mais foi aplicada”, disse Greenhalgh ao recordar o processo de 1980, que teve julgamento à revelia, já em 1981, condenação dos sindicalistas (Lula, por exemplo, pegou três anos e meio de prisão) e posterior anulação do processo pelo STM, em 1982.




Quase 40 anos depois, o advogado recebe um procuração para defender Lula e diz que não irá “sossegar”. “Pode ter certeza de que vou fazer tudo para ele estar livre, ser candidato e subir aquela rampa (do Palácio do Planalto)”, afirmou Greenhalgh.

*Com informações RBA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.