Ação contra Paulo Bernardo, marido de Gleisi, é suspensa; SAIBA!

0

Da Folha:

O processo da Operação Custo Brasil que tem como réu o ex-ministro Paulo Bernardo, primeiro braço da Lava Jato em São Paulo, ficará paralisado para que o STF (Supremo Tribunal Federal) decida quem deve julgar as acusações contra ele.

A decisão foi tomada pelo juiz federal substituto Diego Paes Moreira, responsável pelas ações da Custo Brasil, e tem prazo de 90 dias.

Como a Folha revelou, na semana passada o Ministério Público Federal de São Paulo pediu que o processo fosse enviado ao Supremoporque o ex-ministro enfrenta acusação correlata na corte.

O juiz Moreira, no entanto, discordou em sua decisão que Paulo Bernardo deva ser processado apenas no STF, mas suspendeu a ação para evitar conflitos processuais. (…)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.