GOLPE EM PARAFUSO: Trabalhadores da Indústria Naval do Ceará entram em greve acompanhando paralisação de caminhoneiros

0

Cerca de 600 trabalhadores da Indústria Naval do Ceará (Inace) estão em greve há três dias. Eles protestam contra os seguidos atrasos nos pagamentos dos salários em todos os meses desde janeiro, assim como da Participação nos Lucros (PL) da empresa, esta pendente desde março.

Representados pelo Sindicato dos Metalúrgicos do Ceará (Sindmetal) e pela Central Única dos Trabalhadores no Ceará (CUT-CE), os trabalhadores realizaram assembleia na manhã desta quinta, 24, em frente à sede da empresa, na Praia de Iracema.

O deputado estadual Moisés Braz (PT) esteve presente na mobilização e manifestou apoio à greve, ao lado dos presidente da Central, Wil Pereira, e do Sindmetal, Fernando Chaves.

Continua depois da Publicidade

Além do atraso nos salários e no PL, os trabalhadores também aprovaram a exigência de abono dos dias parados e o desligamento de funcionários da empresa que praticam assédio moral contra os empregados. Representantes dos operários, da CUT e do Sindmetal têm reunião com a Procuradoria Regional do Trabalho. Ainda nesta quinta-feira, é possível que haja um acordo.

(Foto – CUT/CE)- Eliomar de Lima.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.