PHA SOBRE ABSOLVIÇÃO DE GLEISI: Delações premiadas valem tanto quanto um Powerpoint, “nada”

0

DO SITE CONVERSA AFIADA

Os ministros Lewandowski, Toffoli e o ministrário Gilmar Mendes derrotaram Fachin e Celso de Mello na Segunda Turma e absolveram a presidente do PT, Gleisi Hoffmann das “acusações” do “procuradores” da Lava jato, que, como sempre, se baseiam em “delações” que são confirmadas no jornal nacional, mas não nos fatos.

Semana que vem o jornal nacional e Moro serão de novo julgados no Supremo.

Continua depois da Publicidade

O Supremo vai analisar se Lula pode acompanhar, em liberdade, os desdobramentos de sua condenação e o direito de se candidatar à Presidência.

Pouco a pouco a casa do Moro cai.

E do próprio Supremo, porque não fosse o Supremo, Moro não passava de Maringá – como explicou o mestre Janio de Freitas, no artigo que o Conversa Afiada republicou como “o criminoso é o Supremo”.

A proposito, não deixe de assistir à trepidante TV Afiada sobre o inefável Ministro Barroso, que não aceita a decisão do Supremo de acabar com a condução coercitiva.

PHA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.