LULA DENUNCIA NOVO GOLPE: ELES QUEREM ME CALAR NAS ELEIÇÕES

0

O ex-presidente Lula transmitiu nesta quinta-feira 12 uma mensagem por meio dos ex-ministros Franklin Martins e Celso Amorim, que o visitaram na prisão, depois da decisão da juíza Carolina Lebbos, nesta quarta, que impediu o pré-candidato de dar entrevistas à imprensa.

“Eles não apenas quererem me manter preso, eles querem me calar. Impedir de eu falar, impedir que o povo ouça o que eu fale. Mas eles estão enganados se acham que, com isso, vão derrotar as ideias”, disse Lula, segundo Franklin Martins, que concedeu coletiva em frente à Polícia Federal em Curitiba.

Ele destacou que “as ideias viraram parte da experiência do povo durante todos esses anos” em que o PT governou o Brasil.

Continua depois da Publicidade

Segundo Celso Amorim, Lula disse o que segundo o ex-ministro “é uma frase muito importante”. “Eu não vou trocar minha dignidade pela minha liberdade”. Isso explica, segundo Amorim, “por que Lula pode e vai ser candidato. Porque ele está convencido de sua inocência”.

O ex-chanceler declarou ainda que Lula voltou a confirmar sua candidatura e disse estar muito preocupado com a soberania do País. “Ele vai ser candidato para recuperar a soberania do País”, declarou o ex-ministro.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.