PGR E GLOBO ATACAM LINDBERGH PELA SEGUNDA VEZ PARA TENTAR CALÁ-LO; ELE REAGE: “CANALHAS”

0

A PGR e a Rede Globo voltam a atacar o senador Lindbergh Farias, um dos principais líderes do PT, acusando-o de ter atuado a favor de uma emenda que interessaria à OAS. Segundo o senador, em vídeo postado em sua página no Facebook na noite desta segunda (16) a história é totalmente despropositada e foi lançada apenas para intimidá-lo, sem qualquer preocupação com a veracidade da acusação. Afirmou ele: “Eles insinuam que eu teria trabalhado a favor de uma MP q supostamente interessaria a OAS. Mas, como eu poderia ter feito isso se eu: 1) não era responsável pela elaboração dessa medida; 2) não participei da comissão do Senado q a discutiu; e 3) nem sequer participei da votação dessa MP???”.

Apesar de o Globo e o jornal Valor Econômico terem publicado suas reportagens alegando que Lindbergh não teria se manifestado, há um vídeo público que o senador postou na noite de ontem, mas que foi ignorado pelas mídias da família Marinho. Os ataques Lindbergh têm sido sistemáticos: “Eles já fizeram isso comigo antes. Fizeram um estardalhaço contra mim no início da Lava Jato, mas não publicaram uma linha depois que provei q as acusações contra mim eram falsas.” Todos os inquéritos anteriores abertos contra ele por iniciativa da força tarefa da lava Jato foram arquivados no STF por falta absoluta de provas.

No vídeo, o senador informa que no dia da votação da medida referida no estava fora de Brasília, viajando, e que a PGR e a Globo sequer deram-se ao trabalho de apurar o fato: “Eu estava viajando e esse pessoal nem pra levantar isso”.

Lindbergh afirmou que não se intimida com a perseguição e esclareceu sua condição pessoal e familiar: “Eu moro no apartamento alugado com minha mulher e meus três filhos. Não tenho conta na Suíça e não vão ser esses canalhas que vão nos intimidar”.

Para o senador, o motivo da campanha é claro: “A gente tá nessa porque temos uma causa; a gente tem um projeto, um sonho que fazer inclusão social neste país, olhar para os mais pobres, para os trabalhadores que vocês [Rede Globo] depois deste golpe estão massacrando”.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.