LIVRE, LEVE E SOLTO: PAULO PRETO É DENUNCIADO PELA A SEGUNDA VEZ POR CORRUPÇÃO

0

A força-tarefa da Lava Jato em São Paulo denunciou pela segunda vez hoje Paulo Preto, o ex-diretor da Dersa suspeito de ser operador do PSDB, relata a Folha.

Desta vez, o ex-diretor é acusado de fraudes a licitações e cartel em obras do trecho sul do Rodoanel e do Sistema Viário Integrado. Outras 32 pessoas foram denunciadas pela Procuradoria.

A nova denúncia teve como base o acordo de leniência da Odebrecht com o Cade. Oito executivos da empreiteira delataram o caso em 2017.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.