AÇÃO NA JUSTIÇA: Alckmin pode perder 36% do tempo de TV por causa do MDB

0

DO CONGRESSO EM FOCO:

O candidato à presidência da República Geraldo Alckmin (PSDB) pode perder 36% do tempo de propagando eleitoral na rádio e na TV por causa de uma ação do Movimento Democrático Brasileiro (MDB).

Na última sexta-feira (17), a campanha de Henrique Meirelles, candidato do MDB, entrou com uma ação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pedindo a contestação do apoio de seis partidos ao tucano: DEM, PP, PRB, PR, PTB e Solidariedade. A informação é do jornal O Estado de S. Paulo.

Caso o pedido seja aceito, Alckmin pode poder 36% do tempo de propaganda eleitoral gratuita. Atualmente, ele é o candidato com maior tempo de rádio e TV. Em segundo lugar, vem o PT e em terceiro o MDB.

A justificativa do MDB é de que os partidos registraram em convenção apenas o apoio ao nome de Alckmin e não formalizaram o desejo de se coligar com as outras legendas que o apoiam. A aliança com o tucano deveria constar “expressamente da ata o nome dos partidos coligados, a fim de que se permita aferir objetivamente a confluência das deliberações partidárias”. Dessa forma, só dois partidos cumpriram a exigência: PPS e PSD.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.