Carol Proner: dá para eleger dois senadores progressistas e derrotar Maia e Bolsonaro

0

A jurista e professora Carol Proner voltou a defender o voto duplo por meio da união das esquerdas ao Senado no Rio de Janeiro, por meio das candidaturas de Lindbergh Farias (PT) e Chico Alencar (PSOL), como uma forma de derrotar Cesar Maia (DEM) e Flávio Bolsonaro (PSL). Os quatro candidatos, segundo pesquisa Datafolha, estão tecnicamente empatados na disputa pelas duas vagas ao Senado pelo Rio.

“Para dissipar dúvidas a respeito do voto duplo pela democracia – Chico-Lindbergh. A decisão vem de um cálculo de realidade: no Rio de Janeiro, dá para eleger dois senadores progressistas e derrotar Maia e Bolsonaro. Essa aposta independe do PT, do PSOL, dos limites de alianças, ou seja, só depende do eleitor. É verdade que já existe um campo expressivo, nos dois partidos e também no PCdoB e no PDT, que trabalha pela unidade efetiva, mas vê-se que é preciso tempo, acostumar a ideia e afastar ressentimentos, pois o que vem pela frente não nos deixará alternativa”, justificou Carol Proner.

Segundo a última pesquisa Datafolha, os candidatos Flávio Bolsonaro, Cesar Maia e Lindbergh Farias registram 18% das intenções de voto do eleitorado fluminense. Chico Alencar está apenas um ponto percentual atrás, com 17% da preferência.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.