PESQUISA DOS BANCOS: LULA CRESCE AINDA MAIS DEPOIS DO GOLPE TSE

0

Pesquisa eleitoral encomendada pelo Banco Pactual BTG captura pela primeira vez o efeito da decisão do TSE de cassar Lula da última sexta-feira (31). Realizada pelo instituto FSB Pesquisa no sábado (1) e domingo (2), a pesquisa constatou um crescimento na candidatura de Lula: de 35% (em 25 e 26 de agosto) para 37% agora.

Na pesquisa estimulada, Bolsonaro permaneceu com 22% das indicações, Marina caiu de 9% para 5%, Ciro subiu de 5% para 7%, Alckmin permaneceu estacionado em 6%, João Amôedo tem 4% e Álvaro Dias tem 3%. A pesquisa foi realizada por telefone, como outras que o mercado financeiro tem patrocinado e institutos menores têm realizado e elas apresentam costumeiramente uma sobrevalorização de Bolsonaro e dos candidatos da direita e um subdimensionamento do nome de Lula, por não abordar os 10% mais pobres do país, que não têm telefone

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.