Haddad: não é hora de ir para casa. Vamos ganhar as eleições

0

Em discurso feito em Curitiba, em frente à sede da Polícia Federal, onde Lula está preso, o agora candidato do PT à presidência da República, Fernando Haddad, denunciou a injustiça contra o ex-presidente, mas lembrou que ele continua sendo o líder. Haddad ressaltou também que não é hora de baixar a cabeça.

“Eu vejo muitas pessoas aqui muito emocionadas, e eu peço desculpas, por eu mesmo estar emocionado no dia de hoje, porque eu sinto a dor de muitos brasileiros e brasileiras que sentem a dor de não ver Lula subir a rampa do Palácio do Planalto”, começou Haddad.

“O Lula, nosso Lula, representou e representa um divisor de águas no Brasil, representa o antes e o depois. Saiu do nosso povo superando todos os obstáculos e chegou a presidência da república para mudar a nossa história”, prosseguiu.

“Eu fico me perguntando porque tanta injustiça com um homem que sempre estendeu a mão, sobretudo aos que mais precisavam”, colocou Haddad. “Nós temos um líder, chamado Lula, que inspira a todos. Eles podem até nos derrubar um dia, mas no outro a gente levanta e segue na luta”, disse ainda.

“Vamos dizer para o povo: você está sentindo a dor que estamos sentindo, mas não é hora de ir para casa de cabeça baixa, é hora de ir para a rua de cabeça erguida! Nós não vamos desistir desse país”, convocou.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.