LASCOU PRA ELE: Deputado da tatuagem tem candidatura indeferida

0

Wladimir Costa, o deputado do Solidariedade notório por aquela tatuagem com o nome de Michel Temer, teve sua candidatura ao Senado pelo Pará indeferida pela Justiça Eleitoral, registra a Folha.

O deputado tem uma condenação no TRE-PA por uso de caixa dois na eleição de 2014, e a corte eleitoral indeferiu seu nome com base na Lei da Ficha Limpa.

Costa já disse que vai recorrer ao TSE e alegou que seus adversários, como Jader Barbalho, estão “em pânico” com sua campanha.

Continua depois da Publicidade

CLICK POLÍTICA com informações de Antagonista

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.