Candidato ao Senado do Rio, César Maia tem seus direitos políticos suspensos

0

O ex-prefeito do Rio de Janeiro, César Maia (DEM), teve seus direitos políticos suspensos pela Justiça do estado, nesta sexta-feira (21). A decisão foi tomada com base no processo em que ele é acusado de improbidade administrativa na construção do Hospital de Acari, na zona norte da cidade.

Maia hoje é vereador e lidera a pesquisa Ibope para o Senado do Rio, com 24%, pouco à frente de Flávio Bolsonaro (PSL), com 21%; e Lindbergh Farias (PT), com 18%. Ele disse, por intermédio de sua assessoria de imprensa, que vai recorrer, de acordo com informações de Vinícius Lisboa, da Agência Brasil. “Uma decisão em primeira instância cujo recurso trará as justificativas”, destacou o ex-prefeito.

Maria Paula Gouvêa Galhardo, juíza da 4ª Vara de Fazenda Pública da Capital, decidiu pela perda da função pública e a suspensão dos direitos de César Maia por oito anos, além do ressarcimento ao município de R$ 3.322.617.

A Justiça considerou que houve irregularidades no pagamento efetuado pela Prefeitura do Rio de Janeiro à Construtora OAS, na fase final da construção do Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, mais conhecido como Hospital de Acari.

CLICK POLÍTICA com informações do Portal Fórum

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.