Sondagem do PSDB mostra que situação de Alckmin é desesperadora

0

O tucano Geraldo Alckmin continua amargando a pior situação eleitoral que o PSDB já experimentou em sua história. Ele recebeu dados desalentadores sobre a situação de sua candidatura em São Paulo, estado governado por ele por 13 anos e também o maior colégio eleitoral do país. Além do resultado da pesquisa Ibope que mostrou, na terça-feira passada, queda do tucano nas intenções de voto, uma sondagem interna feita pelo PSDB paulista e divulgada apenas à campanha do ex-governador apontou que severas fragilidades de Alckmin no estado.

A matéria do jornal O Globo destaca que “o governador não lidera a disputa em grandes cidades do estado. E chega a ficar em quarto lugar no Vale do Paraíba, região onde nasceu e iniciou sua carreira política”.

Segundo a reportagem, “o levantamento da campanha queria medir as condições de reação do tucano em seu próprio estado, onde Alckmin concentra a agenda nesta reta final. Na semana passada, ele esteve em Guarulhos, São José dos Campos, Sorocaba, Piracicaba e Jundiaí. Ontem, foi à capital”.

Continua depois da Publicidade

A meta de Alckmin era conquistar em São Paulo ao menos uma votação em torno de 30% para compensar o desempenho historicamente ruim do PSDB no Nordeste. Embora aliados digam que ainda é possível superar essa ‘crise eleitoral’, eles admitem que a situação é “delicadíssima”.

Um cacique tucano explicou que, além do quadro nacional complicado, “a fadiga do PSDB por tantos anos no governo” prejudica ainda mais a situação de Alckmin no estado.

CLICK POLÍTICA com informações de brasil247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.