CANDIDATO DE LULA: Haddad cresce forte no Sul e se mostra favorito pra 2018

0

O crescimento acentuado do candidato à Presidência da República, Fernando Haddad (PT), de 19% para 22% na pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (24), foi possível por conta de números extremamente positivos em todas as regiões, mas, principalmente, na Região Sul.

De acordo com reportagem de Marco Grillo e Miguel Caballero, no Globo, desta vez o crescimento de Haddad foi maior no Sul do país, onde conquistou oito pontos percentuais, passando de 11% para 19% na região.

Ao mesmo tempo, embora o Nordeste seja a região com maior potencial de transferência de votos que seriam dados ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, segundo o Ibope, Haddad foi de 31% para 34%.

Enquanto isso, no Sudeste – que tem 44% do eleitorado brasileiro, o petista oscilou de 15% para 16%. Nas regiões Norte e Centro-Oeste, somadas, pulou de 15% para 20%.

Candidatos

Ao mesmo tempo em que Haddad cresceu no Sul, Jair Bolsonaro (PSL) perdeu oito pontos percentuais no conjunto formado por Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul: caiu de 38% para 30%. Essa forte queda foi compensada com uma oscilação positiva no Sudeste (de 29% para 31%), no Nordeste (de 16% para 17%) e no Norte e Centro-Oeste (de 32% para 33%).

Já Ciro Gomes (PDT) tem seu melhor número no Nordeste, 18% dos eleitores, sete pontos a mais do que sua média nacional.

Geraldo Alckmin (PSDB) aparece melhor no Sudeste, com 10%, dois pontos acima do seu resultado em todo o país. No entanto, no Nordeste foi citado por apenas 4% dos entrevistados.

CLICK POLÍTIA com informações de brasil247

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.