MUDOU DE OPINIÃO DE NOVO: Ciro Gomes anuncia que não vai apoiar Haddad

O candidato do PDT diz em entrevista a rádio gaúcha que não irá apoiar Fernando Haddad no segundo turno

Ciro Gomes elevou o tom das críticas ao PT. Em entrevista por telefone à Rádio Guaíba, do Rio Grande Sul, o presidenciável afirmou de maneira peremptória que não pretende apoiar Fernando Haddad no segundo turno caso o petista passe para a próxima fase da eleição. O PT, disse, tornou-se uma organização odienta de poder e tem o espírito de escorpião, por não apoiar ninguém e só desejar que os outros o apoiem.

- Publicidade -

“O PT contou comigo ao longo dos últimos 16 anos. Na medida em que eles se juntam com o Renan Calheiros, que presidiu o Senado no impeachment que eles chamam de golpe, que estão juntos no Ceará com o Eunício Oliveira, não é mais possível, para mim, andar com eles na política”.

Ciro reafirmou seu apreço por Haddad, um “amigo”, mas negou que o tenha convidado para ser seu vice e repetiu que o PT “tem feito muito mal ao Brasil de um tempo para cá”. Acrescentou que nunca aceitaria participar, como candidato à vice, da “farsa” eleitoral montada por Lula.

O pedetista considera possível disputar um segundo turno contra Haddad (“sou o único capaz de vencer os petistas sem ódio”) e garantiu que esta será a última eleição presidencial que pretende disputar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.