Acredite se quiser: Bolsonaro diz que respeita eleição, mas desconfia da ‘lisura’ do processo

0

Do G1 Brasília.

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, afirmou nesta quarta-feira (3) que respeita o resultado da eleição, mas desconfia da “lisura” do processo porque, segundo ele, não é possível fazer uma auditoria.

Na semana passada, Bolsonaro havia dito que não aceitará o resultado se ele não for o eleito.

Continua depois da Publicidade

Depois, em entrevista ao jornal “O Globo”, disse que quis dizer que não telefonará para Fernando Haddad se for derrotado pelo candidato do PT.

“Eu desconfio da lisura porque não há uma maneira de você fazer uma auditoria. Vou respeitar o que acontecer por ocasião das eleições, eu não vou é ligar para o Haddad caso ele venha a vencer. Se bem que eu não acredito nisso, está faltando pouco, muito pouco, para nós ganharmos essas eleições no primeiro turno”, afirmou Bolsonaro nesta quarta.

(…)

Para o candidato, o debate está “polarizado” e, por isso, pediu às pessoas que “pratiquem o voto útil” e votem nele. “Nós devemos resolver essa fatura no primeiro turno para não termos desgaste no segundo turno”, completou.

(…)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.