NASSIF: Álvaro dias é o primeiro caso de candidato que comparece a um debate embrigado

0

O senador Alvaro Dias, candidato do Podemos à Presidência da República, conseguiu uma rara unanimidade neste Brasil dividido em ódios: foi o pior do debate na TV Globo.

Dias levou sabugadas de Fernando Haddad (PT) e do ex-ministro Henrique Meirelles (MDB). Até pessoas que se dizem de direita abominaram o desempenho do candidato do Podemos. Para muitos, inclusive, ele estava “encoisado”, isto é, com Bolsonaro no corpo.

“o candidato Alvaro Dias está bastante confuso”, reagiu Meirelles à acusação de que era cúmplice de corrupção no governo do PT.

Continua depois da Publicidade

“Pelo que me recordo, Álvaro dias é o primeiro caso de candidato que comparece a um debate presidencial embriagado. A cena inicial, de deslumbramento com Bonner, concorre ao troféu de maior mico da história das eleições”, observou o veterano jornalista Luis Nassif.

Haddad também deu uma sabugada em Alvaro: “Você precisa ter mais compostura no debate. Não respeita o tempo e não respeita adversários, faz brincadeira”, fuzilou Haddad o ex-tucano Alvaro Dias. O petista ainda completou: “Vamos parar de vender o que é do povo para os Estados Unidos.”

O jornalista Reinaldo Azevedo, da Folha, classificou absurdas as agressões gratuitas de Alvaro contra os adversários. Azevedo se doeu mais sobre os ataques endereçados a Meirelles.

Cabo Daciolo (Patriota), proibido de participar do debate na Globo, estuda apresentar projeto no Congresso Nacional exigindo exame do bafômetro antes dos debates nas eleições municipais de 2020 e presidencial de 2022.

CLICK POLÍTICA com informações de Esmael Morais

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.