URGENTE: TSE nega pedido para anular o primeiro turno; CONFIRA!

0

Do Globo

O ministro Tarcísio Vieira, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou pedido feito pelo candidato a presidente Cabo Daciolo (Patriota) para anular o primeiro turno da eleição e fazer uma nova votação em cédula de papel. Segundo Daciolo, a legislação eleitoral autoriza a medida em caráter excepcional. Na sua avaliação, a situação excepcional no caso é a falta de segurança do sistema eletrônico de votação. Tarcísio, porém, disse que as alegações do candidato contra as urnas são genéricas, sem apontar provas.

O ministro destacou também que o sistema eletrônico de votação está previsto em lei aprovada pelo Congresso. Assim, caso Daciolo queira mudança, deverá fazer isso por meio do Poder Legislativo, e não pelo Judiciário.

Daciolo terminou o primeiro turno em sexto lugar e ficou fora do segundo turno, que é disputado entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT). Segundo ele, há “incontável número de denúncias de mau funcionamento e/ou adulteração do sistema”. Mas ministros do TSE e do Supremo Tribunal Federal (STF) vem sistematicamente defendendo a segurança das urnas eletrônicas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.