SOBERBA: Aliado de Bolsonaro cometeu um dos erros mais imperdoáveis da política

0

O folclórico senador Magno Malta cometeu um dos erros mais infantis da política: cantar a vitória antes de as urnas falarem.

Assim que recusou o convite para ser vice na chapa de Jair Bolsonaro, Malta tornou-se o preferido do capitão para presidir o Senado em 2019.

E o que ele fez?

Soberbamente, antes mesmo do primeiro turno, Malta já começou a procurar os colegas e pedir votos para comandar a Casa na próxima legislatura.

E o que o eleitorado do Espírito Santo fez?

Simplesmente, varreu Magno Malta do Congresso, ao negar-lhe o direito à reeleição.

CLICK POLÍTICA com informações de Coluna Radar

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.