OPOSIÇÃO AUSENTE E IMPRENSA FAVORÁVEL DEIXAM BOLSONARO DE MÃOS LIVRES

0

Jair Bolsonaro desfruta de liberdade de ação e tranquilidade depois de sua vitória, em clima de lua de mel com a imprensa conservadora e com a esquerda de ressaca depois da derrota eleitoral. Nas TVs, rádios e jornais, com exceção de alguns poucos articulistas e colunistas, o presidente eleito só recebe manchetes e reportagens favoráveis. Enquanto isso, a oposição, especialmente a esquerda, parece afundada em perplexidade e paralisia -a exceção é Guilherme Boulos que, na terça-feira depois do segundo turno (30) comandou uma vigorosa manifestação na Avenida Paulista.

O clima com a imprensa é tão ameno que Jair Bolsonaro pode divertir-se ao lado do apresentador José Luiz Datena numa entrevista de quase duas horas transmitida pela Band que escorregou em diversos momentos para um clima e linguajar de conversa de bar ou vestiário masculino. Enquanto isso, os jornais sucedem-se em manchetes favoráveis ou de aparência “neutra”, à exceção de manchete de O Globo desta terça (6) que critica os sinais de uma política externa de viés ideológico de Bolsonaro.

Enquanto Boulos move-se, os outros dois candidatos de esquerda na eleição, Fernando Haddad e Ciro Gomes, estão em silêncio.

Haddad tem se limitado a disparar alguns tweets com links para reportagens pontuais sobre Bolsonaro.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.