Bolsonaro é vaiado pela primeira vez após as eleições de 2018

0

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) foi alvo de vaia nesta terça (20), em Brasília, nas proximidades do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB).

Uma manifestante chamada Ana Vitória Sampaio, doutoranda em História na Universidade de Brasília (UnB), xingou Bolsonaro pelas fake news e caixa dois durante a campanha presidencial.

Este foi o primeiro protesto contra o ‘Coiso’ desde que ele foi eleito, no dia 28 de outubro.

O CCBB, a 5 km do Palácio do Planalto, concentra a equipe de transição do governo Bolsonaro. Ele despacha do local que é aberto à visitação pública das 9h às 21h. Mas, após o incidente de hoje, estuda-se fechar o prédio quando o presidente eleito estiver presente.

De acordo com agências de notícias, a historiadora Ana Vitória tem bronca antiga com Bolsonaro que remontam ao ano de 2013. Naquela época, o parlamentar teria dito a ela, na Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) da Câmara, “o erro da ditadura foi não tê-la matado”.

“Bolsonaro se fez presente em cada reunião quando ocupamos aquele tempo e, um belo dia, quando protestávamos, chegou na minha frente e disse que a ditadura militar deveria ter me matado. E o erro da ditadura foi não ter matado a gente”, disse a manifestante anti-Bolsonaro.

CLICK POLÍTICA com informações de esmael morais

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.