PERSEGUIÇÃO: Decisão de relator da Lava Jato de barrar recurso de Lula sozinho causa polêmica no STJ

0

Coluna Painel

A decisão do ministro Felix Fischer, do STJ, de rejeitar monocraticamente nesta sexta (23) recurso do ex-presidente Lula contra a condenação no caso do tríplex causou perplexidade em integrantes da corte. Fischer, relator da Lava Jato no tribunal, havia sinalizado que o caso iria à Quinta Turma.

Pela repercussão, ministros do Superior Tribunal de Justiça esperavam que a decisão fosse colegiada. Nos últimos dias, advogados de Lula percorreram gabinetes para entregar memoriais.

Aliados do petista avaliam que a decisão Fischer foi um duro golpe para ele. Mesmo com a análise de eventuais recursos, dizem, o ministro esvaziou o julgamento.

As esperanças, agora, estão no habeas corpus a ser analisado pela Segunda Turma do STF —onde as chances de vitória também são remotas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.